domingo, 22 de outubro de 2017

Tempos difíceis

Nunca passamos por uma crise tão longa. Nunca a desesperança foi tão profunda. E depois de três anos continuados de recessão e desemprego, não há luz no fim do túnel. Caiu ao rés do chão o otimismo quanto às perspectivas do desenvolvimento brasileiro. Já não somos o país do futuro. Ninguém mais nos respeita como um dos emergentes. Voltamos à condição de republiqueta de corruptos e salafrários, como se vê nas manchetes dos grandes jornais do mundo.

Em todas as faixas sociais há insatisfação. Inclusive onde os governos petistas mais se apoiavam. Foi pelo ralo a crença no que se considerava uma das conquistas mais preciosas deste início de século – a redução expressiva da vergonhosa desigualdade social do país. A afirmação, tão cara às administrações petistas, de que a distância entre ricos e pobres encurtou no período da expansão acelerada da economia e dos programas de assistência social. É preciso esclarecer do que se está falando. Não resta dúvida de que os ganhos de todos os estratos aumentaram nos anos de bonança. Entretanto acreditava-se que a base da pirâmide social, e não o topo, havia se apropriado da maior parte da renda gerada.  Leia Mais »

"Não existe possibilidade de intervenção militar", diz ministro da Defesa

O ministro da Defesa, Raul Jungmann, afirmou que não existe qualquer possibilidade de intervenção militar no Brasil, por conta da crise política, conforme pregam alguns setores da sociedade e até militares da ativa. Segundo o ministro, as Forças Armadas estão em paz dentro dos quartéis.

Raul Jungmann participou neste sábado (21) da solenidade que marcou o fim das operações do Brasil na Missão das Nações Unidas para Estabilização do Haiti (Minustah), depois de 13 anos de atuação.

Após o evento, ele conversou com os jornalistas e garantiu que não há espaço para qualquer participação militar no país fora do que é determinado pela Constituição. As afirmações do ministro contrariam correntes políticas que pedem a volta do regime militar, caso a sociedade civil não resolva os impasses políticos e jurídicos.

“Existe paz e tranquilidade dentro dos quartéis e nas Forças Armadas. Resumo o que as Forças Armadas entendem para o momento da seguinte maneira: dentro da Constituição, tudo, fora da Constituição, absolutamente nada”, respondeu o ministro, que questionou a validade de uma intervenção para o país.

“Para que intervenção militar? Para resolver o problema da Previdência? Para resolver o problema democrático, que está resolvido? Para resolver o problema da inflação, que está sendo resolvido? Para resolver o problema do desemprego, que está caindo? Para que intervenção militar, se o Brasil está sendo passado a limpo? Temos a Lava Jato, que está punindo aqueles que são responsáveis pela corrupção.”

Jungmann destacou que o Brasil vive um momento bom, punindo os corruptos. De acordo com o ministro, o país sairá desta fase fortalecido. Acrescentou que a situação atual é de democracia.

“Não existe nenhum tipo de possibilidade de qualquer intervenção militar, porque vivemos uma situação democrática e é isso que vai continuar sendo, com o apoio das nossas Forças Armadas”. Agência Brasil

Defesa de Geddel diz que digitais não ligam ex-ministro aos R$ 51 milhões do bunker

A defesa do ex-ministro Geddel Vieira Lima afirmou em documento encaminhado à Justiça que as impressões digitais identificadas em notas dos R$ 51 milhões encontrados em um apartamento em Salvador não são suficientes para comprovar sua ligação com o dinheiro. 

De acordo com a coluna Expresso, da revista Época, os advogados argumentaram que a investigação não indicou o local bunker onde aconteceu a apreensão e nem as circunstâncias em que a quantia milionária foi encontrada. A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, entretanto foi taxativa ao rebater: “Falta a este argumento qualquer base nos fatos”.

Sírio-libanês confirma que advogado de Lula não fez visita

Radar Online, VEJA
O Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, confirmou ao juiz Sergio Moro que não encontrou registros de visitas de Roberto Teixeira no ano de 2015.

É a segunda vez que a instituição confirma o fato, ambas a pedido do magistrado de Curitiba.

A requisição de Moro foi feita após o engenheiro Glaucos da Costamarques afirmar que Teixeira foi ao seu encontro para que assinasse os recibos do pagamento do aluguel de Lula enquanto esteve internado no hospital, em 2015.

Segundo a força-tarefa da Lava-Jato, Glaucos da Costamarques atuou como laranja do ex-presidente no recebimento de supostas propinas da empreiteira Odebrecht. Ele é primo do pecuarista José Carlos Bumlai, amigo de Lula.

De acordo com os procuradores do Ministério Público Federal, a empreiteira pagou a compra do apartamento, que está no nome de Glaucos da Costamarques.

Na mesma ação penal, Costamarques responde por também ter supostamente recebido da empreiteira terreno onde seria sediado o Instituto Lula. O local tem valor de R$ 12,5 milhões.

Fraude do concurso TJ-PE foi feita por organização criminosa da PB

A Polícia Civil está apontando indícios de participação de membros da organização criminosa sediada em João Pessoa e descoberta durante a Operação Gabarito.

Na sua 4ª fase, em tramitação desde agosto, a ÓPERA GABARITO já conseguiu analisar mais de 15.000 arquivos digitais de membros da organização criminosa especializada em fraudar concursos públicos. Segundo informações repassadas ao Portal MaisPB pela Delegacia de Degradações e Falsificações (DDF), alguns concursos são mantidos sob sigilo, em face da continuidade das investigações.

A DDF garante que descobriu provas concretas de atuação de membros da ORCRIM no concurso do TJPE, realizado no último domingo (15). Em destaque, conversas no aplicativo WhatsApp entre um dos líderes da ORCRIM – Flávio Luciano Nascimento Borges – e outro membro do estado de Pernambuco, Thiago Nogueira Leão, membro ainda em liberdade.  Por Robson Pires

MBL contra Huck

De olho em 2018, o MBL continua a se posicionar na arena política. Depois de se afastar de João Doria e passar a elogiar Bolsonaro, agora o movimento tem um alvo: Luciano Huck.

Só ontem, na página oficial do movimento, foram quatro posts contra apresentador. Um deles critica a posição “desarmamentista” de Huck e outro mostra uma montagem de fotos do apresentador na companhia de Joesley Batista, Aécio Neves, Lula e Sérgio Cabral.

“Olha a renovação que Luciano Huck quer na política nacional”, diz a postagem. As informações são do Blog do Lauro Jardim.

Cogumelos podem limpar cérebro de pessoas com depressão

Por: Só Notícia Boa
Foto: Pixabay
Uma substância encontrada em cogumelos mágicos pode “resetar” o cérebro de pessoas com depressão e afastar os efeitos da doença.

Foi o que descobriu um estudo do Imperial College London, publicado na revista Scientific Reports.

A substância química psicodélica encontrada nos cogumelos chama-se psilocibina e pode redefinir a mente de quem tem depressão intratável.

A pesquisa
Durante a pesquisa, foi dada a 19 pacientes com depressão uma dose única de psilocibina e ela produziu “efeitos antidepressivos rápidos e sustentados”, dizem os cientistas.

Cerca de 50 por cento dos que participaram descreveram um efeito que durou até cinco semanas.

Muitos dos pacientes disseram “eu fui reiniciado, renascido”.

Um dos pacientes relatou ainda que seu cérebro tinha sido “desfragmentado e limpo”.

Como
O estudo, publicado na Scientific Reports, da Nature, mostrou que a psilocibina afetou duas áreas-chave do cérebro:

1 – A amígdala – que está fortemente envolvida na forma como processamos emoções como medo e ansiedade – tornou-se menos ativa.

2 – A rede de modo padrão – uma colaboração de diferentes regiões cerebrais – tornou-se mais estável depois de tomar psilocibina.

O Dr. Robin Carhart-Harris, responsável pela pesquisa no Imperial College London, disse:

“Mostramos, pela primeira vez, mudanças claras na atividade cerebral em pessoas deprimidas, tratadas com psilocibina após não responderem a tratamentos convencionais”.

Outros estudos ainda são necessários antes que a psilocibina possa ser aceita como tratamento para a depressão.

Por isso os cientistas advertiram: as pessoas não devem se auto-medicaçar com a droga alucinógena. Com informações da SunnySkyz/Goodnews

Mito de ‘baixo risco’ de morte faz jovens não usarem camisinha

Por Robson Pires**Blood sample positive with HIV
A ampla divulgação de que a aids é uma doença que tem tratamento eficaz dá às pessoas, principalmente aos jovens, a falsa sensação de proteção e faz com que elas não se protejam corretamente contra essa e outras ISTs (Infecções Sexualmente Transmissíveis). A afirmação é da infectologista do Comitê de HIV/Aids da SBI (Sociedade Brasileira de Infectologia), Tânia Vergara.

A especialista alerta que essa percepção de “pouco risco de morte” por aids é equivocada e não pode ser confundida com uma segurança de exposição indiscriminada ao vírus.

Reforma eleitoral abre espaço para propaganda paga em sites

A reforma eleitoral, aprovada no Congresso Nacional e sancionada recentemente pelo presidente Michel Temer, traz mudanças importantes nas campanhas realizadas nos meios de comunicação. Uma delas é a liberação parcial de propaganda paga na internet. O tema levanta reflexões de especialistas na área de tecnologia e comunicação.

Conforme a reforma, é “vedada a veiculação de qualquer propaganda paga na internet, excetuado o impulsionamento de conteúdos”. Essa alternativa é permitida apenas quando o autor for identificado e se o serviço for contratado por partidos, coligações, candidatos e representantes. O uso deste recurso, contudo, não pode ser feito em dia de votação.

Brasil é ouro em competição mundial de educação

Foto: Reprodução Agora Mato Grosso
O Brasil conquistou medalha de ouro na Competição Mundial de Educação em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes.

Três estudantes de Rondonópolis, Mato Grosso, representaram o país na disputa.

Thiago Lima, Mateus Gomes e Wilson Santos levaram o primeiro lugar em “Manufatura Integrada” na competição que é considerada maior e mais difícil em Educação Profissional do Mundo – WorldSkills Competition.

A 44ª edição da WorldSkills reuniu estudantes de 68 países. Entre eles, 56 brasileiros.

Dois estudantes da capital Cuiabá, Mateus Santos e Matheus Costa, também conquistaram medalha.

A dupla ficou com o bronze na ocupação de ‘Estrutura de Moldes para Concreto’. O resultado saiu nesta quinta-feira (19), nos Emirados Árabes.

Os jovens de Rondonópolis receberam o título de ‘TOP ONE’ ao alcançar a melhor nota entre países como China, Coréia, Finlândia, Japão e Rússia.

Desde 1983, quando o Brasil estreou do mundial, esta é a 1ª vez que uma equipe de fora de São Paulo compete em ‘Manufatura Integrada’. CONTINUE LENDO

Congresso reúne-se na terça para análise de seis vetos

O Congresso Nacional terá sessão na terça-feira (24), às 19h. Senadores e deputados devem votar seis vetos do presidente Michel Temer, sendo cinco vetos parciais e um total. Projetos que autorizam créditos orçamentários a ministérios e órgãos públicos também constam da pauta. A sessão será no Plenário da Câmara dos Deputados.

O veto 24/2017 rejeita artigos de um projeto de lei do Senado (PLS 130/2014) que permite aos estados e ao Distrito Federal decidir sobre a remissão dos créditos tributários. O veto 25/2017 anula pontos da Lei de Diretrizes Orçamentárias de 2018 (PLN 1/2017).

Também está na pauta o veto parcial 27/2017, que torna sem efeito artigos da Medida Provisória 771/2017. O texto transforma a Autoridade Pública Olímpica na Autoridade de Governança do Legado Olímpico. Senadores e deputados devem votar ainda o veto parcial 28/2017 ao projeto de lei da Câmara (PLC 52/2010) que dispõe sobre a instalação de cercas elétricas em zonas urbanas e rurais.

Pai poderá acompanhar trajeto do filho pelo WhatsApp

Foto: WhatsApp
O WhatsApp está lançando uma nova função que permite ao dono do celular compartilhar seu trajeto – o caminho que está fazendo naquele instante – com quem ele queira.

Em vez do clicar em “Compartilhar localização”, como faz hoje para mandar onde está no mapa, o usuário deverá clicar em “compartilhar localização atual” para enviar o trajeto que estará fazendo.

A novidade vai permitir que filhos se sintam mais seguros, por exemplo, quando estão voltando para casa à noite e querem compartilhar a localização para que um amigo ou familiar acompanhe à distância o trajeto.CONTINUE LENDO

Espanha decide destituir governo catalão e limitar poder do Parlamento

O Globo
Depois de os ministros do governo espanhol se reunirem desde as 10h da manhã (6h no horário de Brasília) deste sábado, o primeiro-ministro da Espanha, Mariano Rajoy, anunciou que o governo da Catalunha será destituído, as funções do Parlamento da região passarão a ser limitadas e novas eleições serão realizadas “em um prazo máximo de seis meses”.

Em primeiro lugar, o governo espanhol solicitará ao Senado que autorize o afastamento de Carles Puigdemont, presidente atual da Catalunha que luta por independência, e todos os seus conselheiros. Haverá, também, limitação dos poderes dos membros do Parlamento. A proposta dele é que qualquer decisão do governo catalão deve, de agora em diante, submeter-se ao governo central — e Rajoy terá poder de veto.

— Não estamos retirando a autonomia da Catalunha, apenas afastando os governantes — afirmou o chefe do governo, em anúncio feito logo após a reunião com o conselho de ministros.

A isso se seguirá a convocação de novas eleições. Rajoy disse que essas medidas são necessárias “porque nenhum governo democrático pode tolerar que a lei seja violada”.

Uso medicinal de maconha é aprovado pelo congresso do Peru

Foto: Shutterstock
O Congresso do Peru aprovou, nesta quinta-feira (19), um projeto de lei que autoriza "o uso medicinal e terapêutico do cannabis e seus derivados" no país. A proposta recebeu 67 votos a favor, cinco em contra e três abstenções do pleno legislativo, que imediatamente aprovou a isenção da segunda votação ordenada por lei, portanto estava pronta para a promulgação do Executivo. Segundo a Agência Brasil, com informações da EFE, a lei legaliza o uso medicinal da maconha e seus derivados, como o óleo de cannabis, para aliviar os sintomas de doenças como o câncer, epilepsia e Parkinson. O legislador governista Alberto de Belaunde, que foi o promotor da proposta, informou que, uma vez promulgada a lei, o governo terá 60 dias para elaborar suas regras. A proposta foi apoiada pelo congressista Ricardo Narváez, presidente da Comissão de Saúde do Congresso, que na semana passada já tinha aprovado a decisão. "Para nós é uma grande satisfação; é uma lei que vai revolucionar, em um país com muitos preconceitos e medos, acredito que seja uma boa mensagem", disse Narváez. Ele acrescentou que foi autorizada a importação, produção e pesquisa no país sobre o uso medicinal da maconha e que, para a questão da produção, que considerou "a mais polêmica", o Executivo terá que estabelecer o regulamento. O parlamentar Javier Velásquez, presidente da Comissão de Defesa, que também aprovou o projeto no mês passado, informou que em uma primeira etapa, o cultivo e a produção da maconha deverá ser autorizado por instituições do Estado como o Instituto Nacional de Saúde. Alberto de Belaunde anunciou que na lei aprovada seria incorporada uma disposição sobre a responsabilidade penal, para que os pais que estavam sendo investigados pela Promotoria por suposto tráfico de drogas fiquem livres dessas acusações. A legalização do uso medicinal da maconha no Peru era uma demanda antiga da associação Buscando Esperança, um grupo de pais que até agora tinham que importar a altos preços os óleos de cannabis para tratar as doenças de seus filhos. BN

Multas eleitorais poderão ser pagas em até 700 anos

Sem perspectiva de conseguir quitar dívidas de multas eleitorais acumuladas por anos, dirigentes partidários afirmam que pretendem recorrer às novas regras de parcelamento aprovadas no projeto de reforma política para renegociar os pagamentos. A nova lei prevê que a parcela mensal não ultrapasse 2% dos repasses do Fundo Partidário. Há casos em que o parcelamento pode se alongar por até 698 anos, o que, na prática, representa quase uma “anistia” dessas dívidas. As informações são de Thiago Faria e Daiene Cardoso no Estadão.

Segundo levantamento da Procuradoria Geral da Fazenda Nacional (PGFN), feito a pedido do Estado, o total das débitos eleitorais inscritos na dívida ativa da União, chega a R$ 81,4 milhões. O campeão é o diretório paulista do PSB, que acumula R$ 3,7 milhões em multas. Caso a nova regra de parcelamento seja aplicada com base no que o partido recebeu do Fundo Partidário em 2016 – média de R$ 380,2 mil ao mês –, as multas poderiam ser quitadas em mais de 40 anos, em 486 parcelas mensais de R$ 7,6 mil.

O presidente do PSB-SP, o vice-governador do Estado, Márcio França, admite que vai aproveitar a nova lei para quitar o débito. “Mas só faremos isso depois de julgamento de uma ação de nulidade que aguardamos no Tribunal Superior Eleitoral (TSE)”, afirma. O argumento do partido é a prescrição da cobrança, uma vez que o valor inclui multas que vão desde a campanha municipal de 2004, quando o partido lançou a deputada federal Luiza Erundina, hoje no PSOL, como candidata.

Também constam no “top 5” dos maiores devedores os diretórios sergipanos do DEM (R$ 3,1 milhões) e do PPS (R$ 2,9 milhões), além dos diretórios paulista do PTB (R$ 2,4 milhões) e do PSDB (R$ 1,8 milhão).

Estados Unidos aprovam mais uma terapia genética contra câncer

Foto: Shutterstock
A Administração para Drogas e Alimentos dos EUA (FDA) concedeu autorização, na última quarta-feira (18), para comercialização de uma terapia genética contra alguns tipos de câncer. Essa é a segunda vez que a autoridade aprova essa nova técnica (saiba mais). Desenvolvido pela empresa de biotecnologia Kite Pharma, o tratamento foi batizado de Yescarta (axicabtagene ciloleucel) e faz com que as células do sistema imunológico identifiquem e ataquem os tumores. "O dia de hoje é outro marco no desenvolvimento de todo um novo paradigma científico para o tratamento de doenças sérias", afirmou o comissário da FDA, Scott Gottlieb, segundo o jornal O Globo. "Em apenas algumas décadas, a terapia genética foi de um conceito promissor a uma solução prática para formas mortais e em grande parte intratáveis do câncer", acrescentou. A técnica é chamada de CAR-T e consiste em inserir um anticorpo nas células de defesa do paciente para que elas "aprendam" a nova função. Assim como o tratamento aprovado em agosto, o Yescarta só deve ser usado como último recurso no tratamento. BN

CPI da Previdência Social está na reta final

Por Robson Pires
A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Previdência Social chega à reta final e o relatório para divulgar os dados oficiais será entregue em breve. Enquanto isso, novos levantamentos têm chegado à Comissão, em que mostram o real gargalo da Previdência, que não é o suposto déficit, mas os erros, fraudes, sonegação e inadimplência que tiram todo ano cerca de R$ 184 bilhões do Regime de Seguridade Social.

Segundo o Promotor de Justiça Paulo Penteado, os danos às contas da Previdência são (base, 2016): Desvinculação das Receitas da União (DRU), R$ 91 bi; desonerações previdenciárias, R$ 143 bi; apropriação indébita: da contribuição do empregado pelo empregador, R$ 46 bi; incapacidade laboral, R$ 7 bi; erros e fraudes na concessão de benefícios (RGPS), R$56 bi; inadimplência de contribuições previdenciárias, R$ 32 bi; contribuição de seguridade social, R$ 10 bi; sonegação de empregados não registrados, R$ 33 bi e projeção na fraude da arrecadação rural, R$ 2 bi.

Plano de reestruturação de dívidas da Oi gera disputa entra acionistas e credores

Protagonista do maior processo de recuperação judicial do país, com uma dívida de R$ 64 bilhões, a Oi se aproxima de uma data que pode ser decisiva para a sobrevivência da empresa, enredada em uma disputa entre acionistas e grandes credores. Sem acordo à vista, a companhia sofre a ameaça de intervenção do governo federal e perda da concessão, além do risco de ter falência decretada.

‘É erro generalizar um ataque à classe política’, diz procurador da República

Segundo na hierarquia da Procuradoria-Geral da República, o vice-procurador-geral, Luciano Mariz Maia, avalia ser um “erro monumental” generalizar “um ataque à classe política como um todo” por causa das investigações criminais. “Quando você atribui que ninguém presta, todos cometem crimes, são todos bandidos, você está dando a si próprio o direito de cometer irregularidades, o direito de destruir vidas, de desrespeitar a lei. Isso é uma espécie de vale-tudo”, afirmou em entrevista a Beatriz Bulla no Estadão.

Maia afirma que é preciso resgatar a confiança nas instituições democráticas, o que exige o diálogo entre os Poderes. Escolhido pela procuradora-geral da República, Raquel Dodge, para ser o vice no comando do Ministério Público Federal, ele assumiu, por exemplo, os casos que tramitam na Corte Especial do Superior Tribunal de Justiça (STJ) – como investigações que atingem governadores – e o Conselho Nacional de Justiça.

CSA é Campeão Brasileiro da Série C 2017

CSA 0 x 0 Fortaleza - Era o que bastava para CSA levar o inédito título da Série C
CSA empata com o Fortaleza e conquista título inédito da Série C no Rei Pelé
Maceió, AL, 21 (AFI) – O tão esperado título nacional, enfim, chegou para o CSA após 104 anos de fundação. O time alagoano sagrou-se campeão brasileiro da Série C, nesta noite, no estádio Rei Pelé, em Maceió (AL), ao empatar sem gols com o Fortaleza. No jogo de ida o CSA tinha vencido por 2 a 1 e entrou em campo com a vantagem do empate. O Fortaleza precisava vencer por dois gols de diferença.

Mas tanto o campeão como o vice já tinham garantido o acesso para a Série B em 2018, ao lado dos outros dois semifinalistas: o São Bento, de Sorocaba (SP), e o Sampaio Corrêa-MA. A premiação, com entrega de medalhas e troféus, aconteceu após o jogo num clima de festa total.

O jogo foi muito equilibrado no primeiro tempo. O Fortaleza tentou dar pinta de que iria fazer pressão, mas adotou uma postura cautelosa e quase sofreu o gol aos oito minutos. Após falta cobrada por Daniel Costa, o atacante Michel Douglas cabeceou, o goleiro Marcelo Boeck deu um tapa e a bola ainda tocou na sua trave esquerda. O time cearense ameaçou num chute de longe de Ronny e que Mota fez grande defesa aos 19 minutos.

FORTALEZA QUASE MARCA
O segundo tempo teve a mesma tônica. O Fortaleza teve uma chance de ouro numa cabeça da de Adalberto, que tirou tinta da trave esquerda de Mota aos 25 minutos. Depois disso, os cearenses cansaram. E apoiados pelos torcedores, os jogadores do CSA se agigantaram.

A partir daí, o CSA criou as melhores chances transformando Marcelo Boeck no melhor em campo. Aos 30 minutos, após escanteio, o zagueiro Jorge Felipe subiu no segundo andar e testou firme. Boeck saltou, desviou a bola que ainda tocou na sua trave direita. Três minutos depois, da intermediária, Rafinha soltou a bomba e Boeck espalmou de novo.

Nesta altura, o Fortaleza já estava batido, sem forças para atacar. De outro lado, a torcida festejava nas arquibancadas o inédito título para o CSA e para o futebol alagoano.

HISTÓRICO
O CSA, em seus 104 anos, já foi vice-campeão da Série B em 1980, 1982 e 1983, além de vice- campeão da Série D em 2016. Ano passado tinha sido vice-campeão da Série D, ao perder para o Volta Redonda, porém, garantiu o acesso.

Em 99 anos de vida, o mais perto que o Fortaleza que chegou de conquistar títulos nacionais foi quando sagrou-se vice-campeão brasileiro em 1960 e 1968 e também quando foi vice da Série B em 2002 e 2004.

Ana Maria Braga é afastada do 'Mais Você' após diagnóstico de câncer no rosto, diz site

Foto: Reprodução / Rede Globo
A apresentadora Ana Maria Braga esteve ausente, nesta última semana, do comando do programa "Mais Você", sendo substituída por Zeca Camargo e Patrícia Poeta. Segundo o TV Foco, Ana foi diagnosticada com câncer de pele na região do rosto e teve que ser submetida a uma cirurgia em um hospital de São Paulo. Ainda de acordo com a nota, após o procedimento, ela descansa em sua casa, localizada na cidade de Sorocaba.

Esta não é a primeira vez que a global enfrenta a doença. Em 1991, Ana também identificou um câncer de pele e operou. Já em 2001, apareceu um carcinoma no canal anal, que exigiu tratamento radioterápico. Em dezembro do ano passado, a apresentadora anunciou no ‘Mais Você’ que tinha sido operada de um câncer pulmonar. A assessoria de Ana Maria Braga foi procurada e se limitou a dizer: ”A única informação que tenho é que ela está descansando na fazenda dela em Sorocaba acompanhando a obra da nova cozinha que está fazendo lá”. BN

ITABUNA-BA: Homem foi morto a tiros na feira do São Caetano

Mackson Torres Meira (Max), 26 anos, foi morto a tiros na noite deste sábado (21), na feira livre do bairro São Caetano, em Itabuna. De acordo com informações de populares, a vítima era usuária de drogas e já tinha passagens pela polícia. No local pelo menos três cápsulas de pistola calibre 380 foram achadas pela Polícia Civil. Mackson, que correu cerca de 100 metros da onde recebeu o primeiro tiro, foi assassinado por oito disparos de pistola calibre 380, que acertaram várias partes do seu corpo. A polícia civil vai investigar, mas ainda não tem indícios sobre motivação e autoria do crime. Mackson era morador da rua do Paty, bairro São Caetano e filho de um conhecido dono de uma borracharia na avenida Princesa Isabel. Foi o 7º homicídio de outubro e o 97º em Itabuna este ano. http://jornalsportnews.blogspot.com.br

Ladrão se arrepende de crime e diz:"Vou voltar pra Deus"

Em Guarapuava, na região central do Paraná, um acontecimento, tanto quanto inusitado, ganhou os noticiários. O casal metodista, Thiago e Cleiviane Sene, teve o carro e alguns aparelhos eletrônicos roubados. Porém, horas depois o automóvel foi encontrado abandonado em um estacionamento de uma loja. Mas, o inacreditável estava por vir. 

Dias depois do ocorrido, o ladrão entrou em contato com Thiago e confessou estar arrependido do ato e informou onde estavam os restantes dos objetos roubados. “Ficou uns 30 segundos sem falar nada, aí começou: ‘quero pedir desculpa pelo que fiz’. Não acreditei muito no começo, daí perguntei da chave do carro. Ele disse que estava no quebra-sol, o que se confirmou. Aí eu acreditei e ele começou a contar a história triste dele e a chorar”, relata Thiago. 

Quando o casal chegou ao local e encontrou os pertences e uma carta de próprio punho pedindo perdão. “Minha vida era tranquila. Eu tinha paz, emprego, tudo que precisava, mas me separei de Deus e minha vida virou de cabeça pra baixo. Comecei a beber, perdi meu bebê, o emprego, bati o carro, e a minha mulher quer me deixar. Não justifica o que eu fiz, o mal que causei a vocês. Me perdoem. Vou buscar a Deus”, diz um trecho da carta. 

Após a leitura da carta, o casal retirou a queixa e se dispôs a ajudar o homem, que não atendeu mais no número fixo do qual ligou. “A carta que ele deixou pra gente mostra que o caráter dele não é de um malandro. A gente acredita no arrependimento do ser humano. Ele se arrependeu, da nossa parte está perdoado. Eu quero dar essa força pra família dele, tanto espiritualmente quanto financeiramente”, afirma Cleiviane. Com informações G1

Tucanos se bicam até no WhatsApp

A Coluna do Estadão informa que o líder do PSDB na Câmara, Ricardo Tripoli, bateu boca com a deputada Bruna Furlan depois de ela postar no grupo de WhatsApp da bancada tucana que poucas vezes na vida viu alguém tão ingrato quanto Tasso Jereissati.

“A ‘ingratidão’ é porque foi Aécio quem indicou Tasso como presidente interino do PSDB.”

Tasso, como noticiamos, havia dito que Aécio não tem mais condições de presidir o partido.

Sem tiro no pé

A Rede não conseguiu colher assinaturas suficientes para emplacar uma PEC que incluiria um artigo na Constituição para permitir a imposição de medidas cautelares a parlamentares, como aquelas derrubadas pelo Senado no caso de Aécio Neves, informa Bruno Góes, no Globo.

“A mobilização para dar prosseguimento à proposta, entretanto, foi pífia. Para tramitar, o projeto precisaria do apoio de 171 deputados. Mas apenas 15 parlamentares se dispuseram a dar suas assinaturas.”

Temer diz que sua relação com Maia está 'tranquila'

por Igor Gadelha | Estadão Conteúdo
Foto: Agência Brasil
A quatro dias da votação da segunda denúncia da Procuradoria-Geral da República (PGR) na Câmara dos Deputados, o presidente Michel Temer disse no início da tarde deste sábado (21) que sua relação com o presidente da Casa, Rodrigo Maia (DEM-RJ), está "tranquila". Em entrevista coletiva após participar de evento sobre a preservação do Pantanal, no interior do Estado do Mato Grosso do Sul, Temer fez elogios e afagos a Maia e afirmou que não há qualquer ato do parlamentar fluminense que tenha sido prejudicial ao governo. Disse ainda que Maia atua como um "verdadeiro magistrado". "Minha relação com Maia está indo muito bem, 'tranquilo'. É uma relação de muito respeito, respeito institucional. O Rodrigo exerce suas funções com grande probidade, baseado na Constituição e no regimento interno da Câmara dos Deputados. É um verdadeiro magistrado em todas as questões. Nas questões que dizem interesse ao País, ele tem sido um colaborador extraordinário com nosso governo", afirmou. "Não há um ato qualquer que seja, digamos, prejudicial ao governo. Ao contrário, em todos os momentos, ele age para fazer aprovar as nossas matérias, que apresentamos e que são de interesse do País. É um homem vocacionado para a vida pública", acrescentou. Maia tem entrado em rota de conflito com o governo Michel Temer há algumas semanas. O ápice aconteceu no último fim de semana, após a divulgação de vídeos da delação do operador financeiro Lúcio Funaro no site da Câmara. Nos vídeos, Funaro cita irregularidades envolvendo o presidente da República. Os vídeos foram publicados junto com os demais documentos da segunda denúncia contra Temer e os ministros Eliseu Padilha (Casa Civil) e Moreira Franco (Secretaria-Geral da Presidência), que deve ser julgada pelo plenário da Casa na próxima quarta-feira (25). A divulgação provocou bate-boca público entre Maia e o advogado de Temer, Eduardo Carnelós, após o advogado classificar a divulgação dos vídeos como "vazamento criminoso". Na entrevista neste sábado, Temer evitou responder se está confiante de que conseguirá barrar a segunda denúncia no plenário da Câmara, assim como aconteceu com a primeira. "Isso vou deixar por conta da Câmara dos Deputados", desconversou. BN

Catalunha nas ruas

Em reação à decisão do governo espanhol de remover do cargo o presidente da Catalunha, Carles Puigdemont, de limitar as funções do Parlamento regional e de convocar eleições locais antecipadas em até seis meses, cerca de 450 mil separatistas catalães saíram às ruas neste sábado em Barcelona.

Eles exigiram uma declaração de independência por parte de Puigdemont, que estava presente na manifestação, e entoaram gritos de “liberdade”.

Câmara analisa projeto que autoriza mudança de valor de planos de saúde após 60 anos

A Câmara dos Deputados analisa um projeto de lei que pretende alterar a legislação atual que regula o funcionamento dos planos de saúde no país. Entre as principais mudanças em discussão está a possibilidade de parcelamento do último reajuste concedido aos usuários de planos privados quando atingem 59 anos de idade. Pela legislação vigente, os planos de saúde podem reajustar o valor da mensalidade do beneficiário a cada mudança de faixa etária. Atualmente, são válidas dez faixas cronológicas, a primeira até 17 anos e a segunda a partir de 18 anos, mudando a cada 4 anos de forma subsequente. A última referência se encerra aos 59 anos, quando os planos são autorizados a aumentar em até seis vezes o valor da mensalidade em relação ao valor da parcela da primeira faixa de idade. Como o Estatuto do Idoso veda a cobrança de valor diferenciado em planos de saúde depois dos 60 anos, os planos reajustam uma única vez aos 59 anos. Se o projeto for aprovado, o valor reajustado para beneficiários de 59 anos poderá ser pago em até cinco parcelas de no máximo 20% do total nominal, vencidas a cada cinco anos, e não poderá ultrapassar o limite de seis vezes superior ao valor da primeira faixa etária considerada pelas operadoras. A mudança é proposta pelo deputado Rogério Marinho (PSDB-RN), relator da matéria na Câmara, que apresentou relatório esta semana. O deputado informou à Agência Brasil que já ouviu críticas das operadoras, que temem impacto na lucratividade, e ressaltou que o projeto não permite o reajuste depois dos 60 anos, apenas o parcelamento dessa variação ao longo de 20 anos. Para o deputado, a medida visa a acabar com a cobrança única que antecede os 60 anos e melhorar a condição de pagamento dos usuários idosos. BN

JBS volta a produzir carne bovina em sete frigoríficos no Mato Grosso do Sul

Foto: FMVZ / USP
A JBS informou neste sábado (21) que vai retomar as atividades em sete frigoríficos de bovinos em Mato Grosso do Sul. A empresa havia suspendido a operação nas unidades na última quarta-feira (18), alegando insegurança jurídica, após a ter mais de R$ 730 milhões bloqueados na Justiça a pedido da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Assembleia Legislativa do estado que investiga irregularidades na área tributária. As unidades retomam suas operações a partir da próxima terça-feira (24). A decisão foi tomada, segundo a Agência Brasil, após reunião entre a empresa, o governo de Mato Grosso do Sul, representantes do Ministério Público e da Assembleia Legislativa. Em nota, a JBS afirma que a discussão foi positiva e o acordo firmado "será capaz de manter as condições necessárias à preservação das suas operações em uma região tão importante para a empresa e para o país, protegendo os empregos dos 15 mil colaboradores diretos e 60 mil indiretos no estado, além de garantir as relações de negócio que a empresa mantém em Mato Grosso do Sul". Em média, a JBS abate 6 mil bovinos por dia no estado, que detém o quarto maior rebanho do país. Segundo a CPI, a empresa não cumpriu os compromissos assumidos nos Termos de Ajustes de Regimento Especial (Tare) para o recebimento de incentivos fiscais do governo de Mato Grosso do Sul. BN

MP pede internação provisória de garoto que matou colegas em Goiânia

O promotor Cássio Sousa Lima, da vara criminal do Ministério Público em Goiânia, pediu neste sábado, 21, a internação provisória, por 45 dias, do adolescente que matou dois colegas de classe a tiros no Colégio Goyases, na sexta-feira, 20, em Goiânia. Esse é o prazo estimado para a conclusão do processo e a decisão da justiça.

Ele confirmou que já encaminhou o pedido à Vara da Infância e Juventude, após ouvir na tarde deste sábado o adolescente de 14 anos, acompanhado do pai, oficial da PM, e da advogada.

Um juiz deverá convocar o garoto para depor na segunda ou na terça-feira e então tomar uma decisão provisória. Só ao fim do processo, vira uma decisão definitiva. A internação máxima de acordo com o Estatuto da Criança e do Adolescente é de três anos. As informações são do Estadão.  Leia Mais »